Imagem

Imagem
(Crédito da foto: www.santoscity.com.br)

terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Que cão-guia que nada! Com vocês, a "ORCA-GUIA"!!!

Ooooooopaaaa!!! Aposto que você, leitor do "Sopa" - principalmente se for deficiente visual- ficou "grilado" com o título, e deve estar pensando: "uê, que negócio é esse? Será um novo tipo de guia, para cegos que gostam de atividades aquáticas?

Descrição da imagem: uma orca (animal marinho). Crédito: alaskanart.net


Huahuahua!!!! NADA DISSO, CARO LEITOR! :-D Os cães-guias desempenham seu papel no ambiente terrestre e até agora não temos notícias de guias do reino animal para cegos no ambiente aquático... hehehe! No entanto, estamos querendo dizer que existe, digamos, uma espécie de "guia de cegos" para o ambiente virtual - e esses "guias" são os softwares leitores de tela, que vão "guiar" o usuário por todo o ambiente virtual. Um dos leitores de tela bastante utilizados para Linux chama-se "Orca"! Manjou o trocadilho, leitor? O programinha de computador para Linux, que lê para o usuário cego o que está na tela da máquina, tem o mesmo nome daquele animal a que referimos acima, rerrerré!!!

E agora vamos falar do Linux Acessível- o Linux totalmente voltado para deficientes visuais!!!
No site Linux acessível. org (http://www.linuxacessivel.org/), você vai saber tudinho sobre o Linux Acessível. Para atiçar mais ainda a curiosidade daqueles que gostam de Linux, vamos falar um pouco sobre ele (antes de você mudar de página na web e deixar os "Sopeiros" pra escanteio, rarrarrá):

O Linux Acessível é uma versão do distro Linux Ubuntu. Seu público-alvo são pessoas com deficiência visual que falam português e espanhol. Com essa versão do referido distro Linux, as pessoas que possuem deficiência visual podem, segundo os desenvolvedores, utilizar o Ubuntu "desde o momento de inicialização do sistema, durante a instalação e,principalmente, depois de instalado". (Fonte: [1] ) Oras, antes, o negócio era o seguinte: para uma pessoa com deficiência visual utilizar as versões anteriores do Ubuntu, era assim: tinha de pedir a alguém normovisual para inicializar e instalar o sistema. Depois de instalado, ativava-se o leitor de telas Orca e , só aí, dava para o cidadão usar o computador... agora a coisa tá mais fácil! O cego pode fazer tudo sozinho!!! "Que legal, mais independência para a galera que não enxerga!", certamente você está pensando... e é isso mesmo: você tem razão!!! :-) O leitor de telas vai estar ativado desde o login!!! E tem um monte de recursos de acessibilidade e usabilidade: teclas de atalho definidas para diversas funcionalidades do sistema, temas desenvolvidos especificamente para pessoas com visão reduzida, ampliador de telas para a janela de login... e muito mais! Entre lá no site do Linux Acessível e confira!!!!!

Descrição da imagem: Tux, o pinguim mascote do Linux. Crédito: isolivre.wordpress.com


Ah, e não é só isso não. Para aqueles que gostam do Sistema Dosvox, mas não abrem mão do Linux, tem o Linvox - que é uma versão do Dosvox para Linux. Foi feito com base no Kurumin 6.0. Confira aí:
http://www.dcc.ufrj.br/~gabriel/linvox.php

e veja esse link também:
http://equipe.nce.ufrj.br/gabriel/linvox/historico.htm

E se você tem orkut: veja um fórum bem legal sobre Linvox, com dicas dadas por pessoas que conhecem o sistema. Dê uma espiada lá!!! Lá vai o link,ó:
http://www.orkut.com.br/CommMsgs?cmm=540147&tid=2546064275290942530

Divirta-se!!! Ah, e se você gosta de Linux, e manja sobre os leitores de tela para esse sistema, use o espaço para comentários neste blog- e aproveite para dar seus "pitacos"! Rerrerré! :-D

segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

Estudantes deficientes visuais e biblioteca: sim, tem espaço pra eles também!!!

Ooooooooopaaaa!!!! Mais uma vez, os "Sopeiros" de olho no que está "rolando" por aí no meio acadêmico!!!

Você, sem dúvida, sabe da importância de uma biblioteca para um estudante, não é mesmo? Ali, tem um "mundão" a ser explorado: livros, revistas, jornais, acesso a publicações eletrônicas... UAU!!!! No entanto, nem todo mundo sabe como os deficientes visuais fazem para ter acesso a esse fantástico mundo. Se você também não sabe, ou tem uma noção pequena disso, relaxe: nós vamos te mostrar!!!! :-)

Achamos na internet um artigo, denominado "O Serviço de Referência e o Uso de Tecnologia Assistiva para a Acessibilidade dos Deficientes Visuais". A autora é Elizabete Cristina de Souza de Aguiar Monteiro, da UNESP de Marília(SP). Ela faz uma abordagem sobre as Tecnologias Assistivas e sobre o uso das Tecnologias da Informação no processo de uso da Biblioteca. Quer ler o artigo? Lá vai: 1,2,3, e... olha aí o link!!! :-)

http://docs.google.com/viewer?a=v&pid=gmail&attid=0.1&thid=12dec1be961cae98&mt=application/pdf&url=http://mail.google.com/mail/?ui%3D2%26ik%3Db29f01f640%26view%3Datt%26th%3D12dec1be961cae98%26attid%3D0.1%26disp%3Dattd%26realattid%3Df_gjptbal00%26zw&sig=AHIEtbQoOdr5HchwngE-BQpwGAfOI8xMrg

Boa leitura! :-)

Sessão Pipoca!!!! Nhoc, nhoc, nhoc...!!!

(Crédito da imagem: [1])







Oooooooopaaaaa! Navegando pelo site "You Tube", pudemos ver um monte de vídeos muito legais sobre inclusão de pessoas com necessidades especiais!!!! E, como nós daqui do "Sopa" não somos egoístas nem um tiquinho, viemos compartilhar com você, hehehe!!! Tem pra um tantão de modalidades: deficiência visual, auditiva, física... vale a pena plugar nesses vídeos! Prepare já sua bacia de pipocas e... "voilà"!!!!

Lá vão os links para os vídeos (todos eles disponíveis no You Tube). Sobre deficiência visual, tem os seguintes vídeos:

"Cegos- Deficientes Visuais dão exemplos de superação"
http://www.youtube.com/watch?v=3nF3IGrK1bo

"Deficientes Visuais À Espera de um Cão-Guia"
http://www.youtube.com/watch?v=mQ3GbqXOvpw&feature=fvw

"A Vida de uma Deficiente Visual"
http://www.youtube.com/watch?v=cnYdZ6J46fU&feature=related

"Tecnologias Assistivas"
http://www.youtube.com/watch?v=EBtvRypicJU&feature=related


Sobre Deficiência auditiva, tem esses aqui que são bastante interessantes:

"Alunos com e sem deficiência auditiva aprendem em conjunto"
http://www.youtube.com/watch?v=8ohvNgV_cS0

"O Mundo sem sons"
http://www.youtube.com/watch?v=eGyv00yU1Zw&feature=related

"Lição de vida- Professora Surda"
http://www.youtube.com/watch?v=WHoUqZIYcDQ&feature=related

"Preconceitos em trabalhos de grupo escolares contra o Surdo"
http://www.youtube.com/watch?v=u541jKrU54g&feature=related

"Software Bilingue para Surdos"
http://www.youtube.com/watch?v=OFwVO0zx9sw&feature=related

Em relação a quem tem deficiência física, selecionamos alguns:

"Vaga de estacionamento físico para deficiente físico: quem respeita?"
http://www.youtube.com/watch?v=-4YfpAtGi3w

"Tecnologia a favor dos deficientes"
http://www.youtube.com/watch?v=7IcCDZWIY70

"Deficientes Físicos"
http://www.youtube.com/watch?v=FCSXElcj0mI&feature=related

"Adaptação para Deficientes Físicos"
http://www.youtube.com/watch?v=Ol5WmfxJOW4&feature=related

Se você, leitor do "Sopa", ficar bem esperto, notará que, quando abrir as páginas do You Tube com os vídeos que sugerimos, tera´uma lista do canto direito da página do You Tube com os "vídeos relacionados", ou seja, que tratam de temas similares. Aproveite! :-)

E você, o que está esperando? Prepare ja´sua pipoca e curta os vídeos!!! :-D




Créditos:

[1] consuladosocial.com.br

quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

Aceleeeeera, usuário de leitor de telas!!!!

Oooooooopa!!!!!!!! Lá vem os "Sopeiros" anunciando o "prato do dia": mais uma sessão de Dicas de Informática!!!!

Se você é deficiente visual usuário de leitor de telas, certamente deve estar cansado da lentidãããããão em navegar na internet com o seu leitor de telas, não é? Ao contrário das pessoas que enxergam a tela do computador - para as quais bastam um mouse e um par de olhos para fazer a "pontaria" no link ou botão virtual desejado- , a realidade dos indivíduos usuários de computador que não enxergam é bem diferente, quando se trata de navegar na net, usando atalhos de teclado. É tecla "tab" daqui, "tab" dali, "tab" acolá, um "enter" pra quebrar a rotina, mais um tantão de "tab, tab, tab", seta pra lá, seta pra cá ... Aaaaaaffffff!!!!!! Fica bem devagar a navegação, se compararmos com a agilidade que os usuários do mouse possuem!



(Crédito da foto: [1])


Para a galera que não enxerga - e que usa, portanto, leitor de telas- lá vai a descrição da imagem acima: há uma lesma na foto!!! Se você sente que a navegação via teclado, feita com a ajuda de leitor de tela, tem a mesma velocidade do animalzinho acima, relaxe: leia (ou ouça) este post até o final!!! :-D Aí, meu(a) amigo, não precisa ficar mais impaciente com o seu computador. TCHAM-TCHAM-TCHAM!!!! Seus problemas acabaram!!!! Sorria!!!!! As dicas de hoje, vindas lá dos nossos amigos do site "Movimento Livre" , vão agilizar e turbinar sua navegação via teclado. Tá curioso? "Voilà"!!! A galera do "Movimento Livre" postou, no dia 16 de fevereiro de 2011, as "Dicas para Agilizar sua Navegação com Leitores de Tela". Ei, o que está esperando? Agilize-se aí e acesse o link! Lá vai ele:
http://movimentolivre.org/artigo.php?id=113

Bom proveito!!! :-D


Crédito: [1] reinosdanatureza.com

quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

Física para deficientes visuais: já pensou nisso?

Ooooooopa!!!! De olho o que está "rolando" em outras universidades brasileiras, em relação à questão da Educação Inclusiva no ensino de Exatas, e fazendo contatos, descobrimos isto, ó:
http://www2.fc.unesp.br/encine/

É o site "Ensino de Ciências e Inclusão Escolar",do professor de física Eder Pires de Camargo. Ele é professor doutor da UNESP, e trabalha com a temática do ensino de Exatas - principalmente Física- para deficientes visuais. Como as pessoas com limitações visuais percebem o mundo de modo distinto das pessoas que enxergam bem -e, portanto, aprendem as coisas de modo diferente das normovisuais (já que seu padrão sensorial é diferente)... então, por que não valorizar os talentos para as ciências que muitos DVs possuem (em muitos casos, latentes)? Então, o site mostra estudos e pesquisas que estão sendo desenvolvidos para planejarem técnicas de ensino que valorizem o aprendizado por meio dos sentidos remanescentes (audição, tato, etc) e de habilidades diversificadas (orientação espacial, por exemplo).

Quer saber mais sobre o professor e sobre seu trabalho - bem como as razões que o levaram a desenvolvê-lo na universidade? A história dele é bem interessante!!! Lembra de um post que fizemos em novembro/2010 e que intitulamos "Toc, toc, toc... tem algum matemático deficiente visual aí?" ? Pois é: se agora fizermos a pergunta "Toc, toc, toc... tem algum físico deficiente visual aí?", vamos ouvir a seguinte resposta: "Siiiiiiiim!!!" Não se esqueça que a Física e a Matemática "andam" bem juntas - daí um post falando sobre Física em um blog sobre Matemática! :-) A Física utiliza diversas aplicações da Matemática, para quantificar fenômenos. Aliás, quem faz curso superior de Matemática, como nós, vai se deparar na grade obrigatória com disciplinas de física, tais como Mecânica e Eletromagnetismo. (Pertencem ao grupo de disciplinas de matemática aplicada que possuímos).
Lá vai o link para você conhecer um pouco sobre o professor Éder:
http://www.saopaulo.sp.gov.br/spnoticias/lenoticia.php?id=83037

O professor Dr. Éder Pires tem vários artigos publicados - muitos deles em co-autoria com outros docentes da área- sobre o tema. Quer ver? Você pode encontrar a lista de links em:
http://www2.fc.unesp.br/encine/artigospublicacoes.php

Ah! E tem mais!!!!! Ele publicou um livro também!!! :-) A obra é intitulada "Ensino de Óptica para alunos cegos: possibilidades". Quer saber mais sobre o livro? "Voilà"!!!
(Crédito da imagem abaixo, que mostra a capa do livro: [1] ).

















Segundo a resenha do livro, disponível em http://www2.fc.unesp.br/encine/ensinooptica.php ,

" (...)Organizado em nove capítulos, [o livro] busca compreender quais contextos comunicacionais favorecem e quais dificultam a participação efetiva do aluno cego em atividades de óptica.(...) a interatividade, ao aproximar aluno com e sem deficiência visual, favorece a utilização de linguagens de acesso não-visual, e reconhece a importância do professor ao organizar sua comunicação em função de linguagens acessíveis a todos os discentes. (...) "

E você, leitor do "Sopa"? Caso tenha alguma experiência interessante relacionada ao tema deste post, conte-nos! :-)


Crédito da imagem deste post:


[1] http://www2.fc.unesp.br/encine/ensinooptica.php


sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

CARDÁPIO DO DIA: Sopas de números e de letrinhas...em Braille!

(Fonte da imagem: [1])











Ooooooopaaaa!!! Encontramos, online, mais um "ingrediente" para o "cardápio" dos leitores!!!

Em abordagens iniciais do nosso blog -quando ele estava apenas começando e ainda era uma atividade avaliativa de uma disciplina obrigatória do curso universitário de Matemática- publicamos posts sobre como os deficientes visuais fazem para aprender; e demos aos leitores uma noção de como estudantes com limitações de visão fazem para ler, escrever, fazer contas... enfim, estudar. E hoje, recebemos um comentário do Ricardo de Melo, desenvolvedor do site Movimento Livre, no qual ele convida os "Sopeiros" (é assim que ele chama os blogueiros do "Sopa", de maneira bem humorada, rerrerré!) a fazerem uma "visitinha" na página deles. E lá está o ótimo artigo, datado de 02 de fevereiro de 2010 e assinado por Regina Célia, intitulado "Ferramentas usadas na alfabetização do deficiente visual".

"Mas peraí", você deve estar se perguntando, "os 'Sopeiros' mexem é com sopa de números, e não sopa de letrinhas... então, por que será que eles estão indicando como sugestão de leitura um texto que fala em ferramentas de... alfabetização?"

Calma, leitor! Rirrirri! Dá uma olhada no artigo que estamos recomendando... e depois você me fala se tem ou não relação com a sopa de números:
http://movimentolivre.org/artigo.php?id=106

O artigo detalha mais as explicações que demos anteriormente, sobre "como os deficientes visuais fazem para estudar". Ele começa explicando sobre o que é deficiência visual, de acordo com as denominações da medicina oftalmológica. Ficou bastante didático, detalhado e explicativo! :-) Em seguida, a autora explica, detalhadamente, como o deficiente visual faz para ler e escrever - e mostra fotos bem nítidas do que são os instrumentos de escrita de um deficiente visual (regléte, punção, máquina Braille), bem como quais são os recursos computacionais utilizados para que seja possibilitada ao deficiente visual a produção e a recepção de textos escritos. A autora ainda mostra algo sobre recursos de ampliação para pessoas com visão subnormal.
Ah! E a matemática também foi lembrada no artigo! Vem a explicação do que é o sorobã (instrumento utilizado para deficientes visuais fazerem cálculos, e do qual já falamos em uma das postagens que fizemos em novembro de 2010)!!!

E então, leitor do "Sopa"? Viu como o tema abordado tem também a ver com a temática do "Sopa"? Os recursos descritos no artigo cujo link está aí acima são úteis não só na alfabetização de um deficiente visual, como também na manutenção das habilidades de leitura e escrita de uma pessoa que perdeu a visão depois de crescida e alfabetizada na escrita convencional dos normovisuais... e serve também para os estudos de matemática!!! Afinal, são estes instrumentos que abrem as possibilidades para que um DV faça suas anotações nas aulas de matemática, faça cálculos, ouça apostilas digitalizadas por meio de sintetizadores de voz de computadores... Sem dúvida, o texto escrito por Regina Célia tem tudo a ver não só com a alfabetização propriamente dita, mas também a diversas áreas do conhecimento, nas quais a produção e recepção de textos (sejam eles de português, matemática, história, física, química...) é indispensável para a aprendizagem adequada! Valeu, Regina Célia e à equipe do Movimento Livre, que trabalhou para que tal artigo fosse publicado!!! :-) Parabéns!!!

[1] Crédito da imagem utilizada no início deste post: www.gourmandisebrasil.blogspot.com

quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

História de sucesso: inclusão escolar de alunos com necessidades especiais

Oooooooopaaaa!!!! Olha "nóis" aqui mais uma vez, indicando coisas interessantes que vemos pela web afora!!! :-) Desta vez, quem publicou na internet um post caprichado foi a Lak Lobato, blogueira do "Desculpe, Não Ouvi" (cujo link está no canto direito desta página). O post é intitulado "Inclusão Social Escolar", e que você pode ler em
http://desculpenaoouvi.laklobato.com/index.php/2011/02/01/inclusao-social-escolar/

A autora do blog, que foi praticamente surda dos 10 aos 33 anos de idade (e que agora ouve graças a um dispositivo eletrônico chamado Implante Coclear), conta como fazia, nos anos escolares, para contornar sua deficiência auditiva e, assim, acompanhar as aulas. Um exemplo de que é possível a superação de barreiras! Viu só a garra e a determinação da menina??? Vale a pena salientar que, nos tempos em que a Lak estava na escola, não tinha essa lei de Inclusão na Educação que temos hoje... então, naquele tempo, o jeito era "arregaçar as mangas" e batalhar!!! Aliás, se mesmo com a lei hoje em dia, a vida do deficiente na escola ou universidade já costuma ser uma batalha... então... tente imaginar quando a referida lei nem existia!!! :-O Era tudo bem mais difícil.

Ah, e não deixe de ler os comentários (ou "palpites", como a autora Lak denomina) da referida postagem no blog dela! Nós, do "Sopa", fomos lá e também postamos nossos comentários!!! :-)

Boa leitura!!!